sábado, 8 de março de 2008

Marcha da Indignação



Hoje os professores mostraram que estão em luta e de luto. E eu estou com eles. Para quem não sabe a minha mãe é professora e por isso estou sensibilizada para os problemas que actualmente enfrentam.

Pela minha vida passaram excelentes professores, que contribuiram positivamente para a minha formação académica, mas principalmente para a minha formação como pessoa.

E como acho que a vossa luta é de todos nós, não podia deixar passar oportunidade de vos expressar o seguinte;

independentemente de serem 80 ou 100 mil, quero vos dizer que tenho muito orgulho nos professores do meu país, que se levantam e defendem as suas causas.

Obrigada e bem hajam.

Gigi





6 comentários:

Ditaur disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Golfinho Filipa disse...

Concordo contigo!! Os professores parecem a única classe diposta a lutar pelos seus direitos! Porque o resto do país continua amorfo, sem lutar pelos seus ideais, deixando que lhe sejam retirados direitos e enfrentando, sem reclamar, uma vida cada vez mais difícil... Força professores!!! Uma beijoca grande para D. Alexandra! Beijinhos grandes para ti, Gigi

zélia disse...

É isso mesmo, força para os professores,que souberam mostrar como se luta, unidos.Um beijinho especial á D. Alexandra.A mãe está muito linda gigi,beijinhos pa ti.Sendo de outra geração,tb tive excelentes professores que hoje recordo com carinho.Para todos a minha homenagem.

Alexandre disse...

Não podia deixar de ir fotografar e fiz fotos apesar de não ter podido ficar até ao fim.

Não sou professor mas estou 100 por cento ao lado dos professores porque sempre gostei do Ensino e a maioria dos meus amigos são professores.

Nos meus blogues tenho algumas das fotos que fiz. É claro que não fui lá precisamente para fotografar a manifestação já que fui a nível pessoal mas sim as curiosidades da manifestação. E valeu a pena!

Muitos beijinhos, Gigi!

alexandra carreira disse...

obrigada minha querida
mas, ainda há tanto para fazer!!!
como tu sabes e viste (porque estavas lá, ao pé de mim, nestes últimos 24 anos em que eu me dediquei à escola e aos alunos, aos melhores, aos complicados, aos portadores de deficiências), a minha consciência do trabalho feito e do dever cumprido está tranquila...
mas, estou triste... é como se tivesse dedicado a minha vida e o meu trabalho ao vazio!
há ainda tanto para fazer!!!!!!!!!!! e eu já não tenho vida útil para o ver!!!
no entanto, confio nesta malta jovem que me acompanha e é neles que deposito as minhas esperanças...
neles e nas centenas de alunos que passaram na minha vida!!! aqueles
a quem eu consegui transmitir a importância da esperança e da capacidade de acreditar nas capacidades humanas construtivas!!!
gosto muito de ti minha filha, obrigada pelo teu testemunho

Joana Veiga disse...

Madressita, se tivesses sido presa pela polícia é que tinha piada...
beijos