segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Passeio pedestre entre a Póvoa e Alverca


No seguimento deste post, lá fui eu fazer o percurso pedonal, entre a Póvoa e Alverca. 

Sábado de manhã, um pouco mais tarde do que previ, saí de casa, fui a pé até à estação da C.P. e apanhei o comboio para a Póvoa, o percurso demora cerca de 3 minutos e às 9h45m lá estava eu de frente para o Tejo e admirar este nova zona do concelho com trilhos pedonais.

Ainda não fui visitar o Núcleo Museológico, nem o Centro de Interpretação Ambiental, porque o objetivo era mesmo fazer a caminhada de aproximadamente 6 Km e já começa a fazer bastante calor.

Entre a Póvoa e o Forte o caminho faz-se quase sempre junto ao rio e foi assim uma sensação boa e estranha, caminhar por ali, só eu e a minha música e o sol e todas aquela paisagem maravilhosa. Senti assim os pulmões a encherem de oxigénio e o organismo a recarregar energias positivas.

Cruzei-me com outras pessoas a fazerem este mesmo percursos, umas para um lado, outras para o outro, umas de bicicletas outras a pé, uns em grupo e outros a solo.

A parte do percurso mais bonita é esta em que caminhamos numa espécie de ponte com o Tejo do lado direito, que podem ver nesta foto.




Concluí o percurso de 6 km numa hora acho que é um ritmo adequado, mas poderia ter demorado menos, é que chegando ao forte e até Alverca, o percurso é feito em terra batida e no sábado de manhã, além de estar a ficar quente levantou-se vento e fiz os últimos km com o vento de frente.De qualquer forma é esquisito pensar que para lá demorei 3 minutos e para cá demorei uma hora

É pena porque com este tipo de terreno, vai ser impossível fazer os últimos km do percurso assim que vierem as primeiras chuvas.

Em suma, gostei  muito e vou repetir muitas vezes, certamente.


Gigi

2 comentários:

Dinastia FilipiNHa disse...

Muito giro!!!!

Até se anda a pé com gosto!

Bjs

Inês Robalo disse...

Olá!

Em Alverca o passeio começa onde?